Ajuda? fechar

Escolha entre endereço, cep, cruzamento ou local da sua origem. Se não souber o número, marque o campo com zero.

Dúvidas sobre cruzamento?
Se você não sabe o endereço, mas quer chegar a um cruzamento determinado, selecione esta opção e preencha os campos com os nomes das ruas (Ex. Av. Paulista x R. Augusta).

Help fechar

Escolha entre endereço, cep, cruzamento ou local de destino. Se não souber o número, marque o campo com zero.

Dúvidas sobre cruzamento?
Se você não sabe o endereço, mas quer chegar a um cruzamento determinado, selecione esta opção e preencha os campos com os nomes das ruas (Ex. Av. Paulista x R. Augusta).

Definir Faixa Horária fechar

Determine a faixa horária em que você pretende fazer o trajeto.
A faixa horária de 00h00 compreende 00h00 a 00h59.

Quero andar: fechar

O número (em metros) informado refere-se a quanto você está disposto a caminhar em cada
embarque/desembarque.

Ex. Se você marcou 500 metros, poderá ter que caminhar 500 metros até o ponto de embarque
e mais 500 metros do desembarque ao seu destino.

Se houver mais de uma condução em seu trajeto, vale a mesma regra.
Ex: Se você marcou 300 metros, poderá ter que caminhar 300 metros até o ponto de embarque
e mais 300 metros até o próximo embarque.

Priorizar tempo / custo: fechar

Você quer economizar tempo, dinheiro ou ambos? Veja suas opções:
Tempo: selecione esta opção para ver os trajetos mais rápidos, considerando percursos a pé,
esperas e tempo de trajeto.
Custo: selecione esta opção para ver os trajetos pagando o mínimo possível em tarifas.
Tempo + Custo: selecione esta opção para obter a melhor combinação entre menor tempo e gasto com tarifa, considerando o valor das tarifas juntamente com a quantidade de tempo gasto nas caminhadas, esperas e viajando.

Dúvida fechar

O resultado de sua busca incluirá o uso de metrô ou trem. Na busca avançada você pode desabilitar essas opções, pedir apenas linhas acessíveis, determinar quantos metros quer caminhar, priorizar tempo, custo ou ambos. Também pode definir o dia e a faixa horária de sua viagem para facilitar o resultado de uma pesquisa mais precisa.

Precisa de Ajuda? fechar

Aqui, você encontra locais próximos a um ponto pré-determinado. Assim, pode, por exemplo, procurar um posto de recarga, terminal ou shopping Center perto de uma rua do seu interesse.

Need help? fechar

Digite o número ou o nome de uma linha para obter mais informações sobre ela.

A consulta pode ser feita por linha (nome ou número), pelo nome da via ou pelo cruzamento de ambos.

Imagem ilustrativa

Bilhete Único Estudante

Aqui você encontra as respostas para as dúvidas mais comuns.

Consulte

  • 1.Há restrições para o uso do Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Sim. Há limite temporal de 1 hora para reapresentação do Bilhete Único Especial Idoso no mesmo veículo. O Bilhete Único Especial Idoso é de uso pessoal e intransferível e só é permitida uma validação por viagem. O uso indevido pode acarretar a apreensão do bilhete pela equipe de fiscalização da SPTrans.

  • 2.Meu cartão do Bilhete Único Especial Idoso veio com informação errada. O que devo fazer? Ver Resposta
    R.

    Dirija-se a um Posto de Atendimento de Gratuidades da SPTrans, munido(a) de documentos e do Bilhete Único Especial que contém as informações erradas e solicite a 2ª via do cartão. O serviço é totalmente gratuito. Consulte os endereços dos Postos de Atendimento de Gratuidade da SPTrans

  • 3.O que fazer quando o Bilhete Único Especial Idoso não funciona e o validador apresenta a mensagem
    "Cartão Vencido"? Ver Resposta
    R.

    O Bilhete Único Especial Idoso tem prazo de validade. No mês de seu aniversário, o idoso deverá comparecer a um dos Postos de Atendimento de Gratuidade da SPTrans para fazer a revalidação. É necessário levar R.G. original ou documento com foto e o bilhete.

    Obs.: O cartão vence no dia do aniversário.

  • 4.O Bilhete Único Idoso é aceito no Metrô e na CPTM? Ver Resposta
    R.

    Sim.  Idosos com 60 anos ou mais poderão utilizar o mesmo cartão nos trens do Metrô e da CPTM.


     

  • 5.Quem pode adquirir o Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Pessoas com 60 anos ou mais. Para isso dirija-se a um Posto de Atendimento de Gratuidade, levando o RG ou documento oficial com foto e um comprovante de endereço. 

  • 6.Onde adquirir o Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Os interessados que possuem os requisitos para obter o benefício devem se dirigir a um dos Postos de Atendimento de Gratuidades da SPTrans, portando os documentos previstos e requerer o benefício. Os Postos funcionam de 2ª a 6ª feira, das 8h às 16 h, exceto feriados. Consulte os endereços dos Posto de Atendimento de Gratuidade da SPTrans.

  • 7.Quais os documentos necessários para obter o benefício? Ver Resposta
    R.

    Os interessados que possuem os requisitos para obter o benefício devem se dirigir, pessoalmente, a um Posto de Atendimento de Gratuidades da SPTrans, portando os seguintes documentos (original e 1 cópia simples):

    - Cédula de Identidade
    - RG
    - Comprovante de residência com CEP (conta de luz, água, telefone, etc.,) recente, máximo 6 meses.

    Após a realização do cadastro será feita a captura da foto. Se o pedido for aprovado, no prazo de 20 dias um Bilhete Único Especial - idoso personalizado com a foto e os dados cadastrais do titular será enviado ao endereço constante no cadastro do solicitante.

    Consulte os endereços dos Postos de Atendimento de Gratuidade da SPTrans.

  • 8.É obrigatório obter o Bilhete Único Especial Idoso para ter direito à gratuidade no Sistema de Transporte Coletivo Urbano oferecido no município de São Paulo? Ver Resposta
    R.

    Não. Os idosos que não quiserem obter o Bilhete Único Especial Idoso podem exercer seu direito à gratuidade por meio da apresentação de um documento oficial de aceitação nacional, contendo fotografia e data de nascimento ao operador, no momento do desembarque, porém não poderão transpor a catraca.

  • 9.Qual a vantagem de obter o Bilhete Único Especial Idoso se para ter direito à gratuidade no Sistema de Transporte Coletivo Urbano oferecido no município de São Paulo? Ver Resposta
    R.

    Com o Bilhete Único Especial - Idoso você pode transpor a catraca e utilizar os assentos disponíveis na parte traseira do veículo. Para os demais idosos, que não possuem o Bilhete Único Especial Idoso, essa opção não está disponível. Eles devem utilizar apenas os assentos na parte dianteira do veículo e apresentar o documento oficial com foto ao desembar pela porta dianteira do veículo.

  • 10.Posso utilizar o Bilhete Único Especial - Idoso no Sistema sobre trilhos (Metrô e CPTM)? Ver Resposta
    R.

    Sim. O Bilhete Único Especial Idoso pode ser utilizado no sistema sobre trilhos (Metrô e CPTM). 

  • 11.Posso emprestar meu Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Não. O benefício do Bilhete Único Especial - Idoso é de uso pessoal e intransferível, não podendo ser utilizado por terceiros em hipótese alguma. Caso seja constatada a utilização indevida do bilhete, o titular poderá ter seu benefício suspenso e ficará sujeito a cumprir as medidas disciplinares .

  • 12.Meu Bilhete Único Especial Idoso está danificado. O que devo fazer? Ver Resposta
    R.

    Para solicitar a 2ª via, compareça a um dos Postos de Atendimento de Gratuidades da SPTrans de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 08h às 16h, (exceto posto Shopping Tatuapé que funciona das 09h às 17h), portando os documentos abaixo relacionados (original e 1 cópia simples).
    - Cédula de Identidade;
    - RG;
    - Comprovante de endereço com CEP (conta de luz, água, telefone, etc.,) recente, máximo seis meses;
    - Bilhete Único Especial Idoso danificado.

    O cartão danificado ficará retido e um novo bilhete será enviado ao endereço que consta no cadastro no prazo de 20 dias. 

  • 13.Meu Bilhete Único Especial Idoso está vencido. Como devo proceder para revalidá-lo? Ver Resposta
    R.

    A data de vencimento do Bilhete Único Especial Idoso é sempre a data de nascimento do titular. Para revalidar o seu benefício dirija-se a um Posto de Atendimento de Gratuidades da SPTrans, munido do RG e Comprovante de residência recente (máximo 6 meses) originais e uma cópia simples. 

  • 14.Solicitei meu Bilhete Único Especial Idoso, já se passaram 20 dias e ainda não o recebi. O que devo fazer? Ver Resposta
    R.

    Se você não recebeu o seu Bilhete Único Especial Idoso, nem a correspondência enviada pela área responsável pela análise de documentação da SPTrans, entre em contato com a Central de Atendimento por meio do telefone 3101-2023 e comunique o fato. Caso seja constatado o extravio do bilhete, a SPTrans emitirá um novo cartão para retirada no Posto de Atendimento localizado à Rua Boa Vista, 128 - Centro.

  • 15.Moro fora do Município de São Paulo, tenho direito ao Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Sim. Uma vez que ele pode ser utilizado nos trens da CPTM e do Metrô.

  • 16.Como faço para retirar a 2ª via do Bilhete Único Especial Idoso nos casos de perda, roubo ou furto? Ver Resposta
    R.

    Ligue para a Central 156 e solicite o cancelamento. Dirija-se a um Posto de Atendimento de Gratuidades da SPTrans, munido de documentos e solicite um novo cartão. No prazo de 20 dias um novo Bilhete Único Especial Idoso será enviado ao endereço que consta em seu cadastro. 

  • 17.Posso enviar um representante ao Posto de Atendimento de Gratuidades para solicitar o Bilhete Único Especial Idoso em meu nome? Ver Resposta
    R.

    Não. O interessado deve comparecer pessoalmente ao Posto para solicitar o benefício. Nessa ocasião, além de assinar alguns formulários, será tirada a fotografia, pois o leiaute do cartão possui a foto e os dados cadastrais do titular.

  • 18.Como utilizar o Bilhete Único Especial Idoso? Ver Resposta
    R.

    Nos ônibus e micro-ônibus: Aproxime o cartão do validador, retire e aguarde que o operador aproxime o cartão de bordo para liberar a passagem, aproxime novamente o seu cartão, aguarde a luz verde e o sinal sonoro (Bip), retire o cartão e ultrapasse ou gire a catraca. O tempo para transpor a catraca é de 1 minuto. O Bilhete Único Especial Idoso emitido pela SPTrans também poderá ser utilizadfo nos bloqueios das linhas da CPTM e do Metrô.

  • 19.Meu Bilhete Único Especial Idoso foi bloqueado por uso indevido/excessivo. O que devo fazer para reabilitá-lo? Ver Resposta
    R.

    O benefício que você possui é de uso pessoal e intransferível, e por isso é controlado e fiscalizado pela SPTrans. A empresa faz auditorias periódicas no sistema e analisa, entre outros itens, os históricos de utilização de cartões de benefício. Quando há indícios de utilização indevida, ou fora dos padrões considerados normais para essa categoria de usuários, o cartão é bloqueado. Nessas ocasiões, o beneficiário é convidado a comparecer à Central para prestar esclarecimentos. As justificativas são analisadas e, se forem aceitas o benefício é liberado. Caso contrário, o titular cumpre sanção de acordo com o tipo de irregularidade constatada. Após o cumprimento da sanção, o titular entra em contato com a Central e agenda uma data para comparecimento a fim de assinar o Termo de Ciência e retirar o novo bilhete.

  • 20.Meu Bilhete Único Especial do Idoso foi apreendido. Como posso reavê-lo? Ver Resposta
    R.

    O benefício que você possui é de uso pessoal e intransferível, não pode ser utilizado por outra pessoa, pois isso configura fraude contra o sistema, passível de apreensão. Nesses casos, o cartão é recolhido e enviado à SPTrans para registro da ocorrência e posteriormente destruído.
    Nessas ocasiões, o titular cumpre sanção de acordo com o tipo de irregularidade cometida e após isso, o titular deve entrar em contato com a Central (Telefone 156) e agendar uma data para comparecimento, assinatura do termo de ciência e retirar o seu novo Bilhete.

  • 21.Como devo proceder se o ônibus ou micro-ônibus em que embarquei não estiver equipado com catraca eletrônica? Ver Resposta
    R.

    Todos os ônibus e micro-ônibus do sistema de transporte coletivo urbano do município de São Paulo estão equipados com catracas eletrônicas. Se você mbarcou em um que não esteja equipado, isso significa que ele está irregular. Se preferir, desça do coletivo e embarque em um transporte regulamentado. Se for possível anote os dados do veículo, horário e local da ocorrência e ligue para a Central 156 para registrar uma ocorrência e colaborar com o sistema de transporte.

  • 22.É possível personalizar o Bilhete Único Especial Idoso com o meu nome social? Ver Resposta
    R.

    Sim. Para isso, você deverá comparecer em um dos Postos de Atendimento de Gratuidades da SPTrans apresentar a documentação habitual e preencher os formulários e requerimentos, manifestando o seu interesse na inclusão do nome social.

    O bilhete será enviado pelo correios para o endereço cadastrado.